segunda-feira, 1 de novembro de 2010

GEOTRILHAS/RN NA CHAPADA DIAMANTINA - 8º Dia

O grupo aproveitou a manhã de sábado para ir às compras no comércio local
O oitavo e último dia da Expedição GEOTRILHAS/RN na Chapada Diamantina foi livre para todos os integrantes da comitiva. Muitas aproveitaram a manhã para dormirem mais um tempinho, se recuperando da exaustão física, mas ao mesmo tempo prazerosa, da semana em que ficamos na Chapada Diamantina. Boa parte do grupo, também contribuiu para o aquecimento das vendas no comércio local, à medida que iam comprando suas lembrancinhas para levarem para o Rio Grande do Norte. O destaque que podemos apontar é a lojinha do simpático Seu Messias, que nos deu um atendimento bastante satisfatório, praticando um preço justo para todos.

Após o almoço, o grupo ficou dividido em três frentes: O primeiro grupo que ainda não tinha organizado suas bagagens ficaram aprontando-as na pousada, enquanto um outro grupo se deslocou até o rio Serrano para aproveitarem o último banho nas águas chapadeiras. O terceiro grupo, atendendo um honroso convite do proprietário da Explorer Brasil, o nosso querido Kikiu, foi conhecer as ações empregadas no município pelo Grupo Ambientalista de Lençóis (GAL).

Oficina de Biocostrução
Ao chegarmos ao local, fomos calorosamente recepcionados pelo coordenador do projeto Alexandre. Ele nos apresentou o restante de sua equipe, formada pela Carol, Marcos e Vini, que no momento da nossa visita estavam construindo uma casa de garrafas petis. Alexandre nos falou sobre as diversas ações da ONG em Lençóis, com a construção de casas com garrafas, hortas comunitárias, projetos de educação ambiental com as crianças da cidade, coleta seletiva, entre outras ações. Na oportunidade, fomos convidados a participara de uma oficina de construção de casas com garrafas petis, em que aprendemos a correta utilização do material, bem como de poder ajudar na construção, assentando com massa as garrafas, formando uma parede. Em seguida, foi realizada a cerimônia de entrega dos certificados os participantes, numa animada roda de ciranda, brindada com chá de hortelã e manjericão. O final da nossa visita ao GAL, foi fechado com mais uma ação da campanha “Trilhando o Verde”, em que foram plantadas sete mudas de mulungu (árvore típica da caatinga bahiana), no leito do rio São José, um local bastante agredido pela atividade garimpeira.
Entrega dos certificados
Campanha Trilhando o Verde
Regressamos a pousada, de onde o grupo foi se despedir do nosso grande amigo Kikiu, e ao mesmo tempo agradecer pela grande receptividade. Em seguida o grupo jantou no centro histórico, curtindo os últimos instantes na cidade, até por volta das 22h:30, quando retornamos para a pousada, para também nos despedir do grandes Tito e Roberto (Perna) antes de seguirmos para a rodoviária.

Embarcamos no ônibus da empresa Real Expresso das 23h:30, com destino a Salvador, viajando por toda a madrugada, levando no interior de cada um de nós grandes lembranças e recordações dos belíssimos lugares visitados, e dos grande amigos que nós deixamos por lá.

Valeu turma querida de Lençóis, e todos os municípios da Chapada Diamantina. Parabéns pelo grande trabalho realizado, e pela importante conservação deste patrimônio natural de todos.

Em breve retornaremos a nos ver!

Um comentário:

  1. Fui guia do Grupo Geotrilhas durante uma semana na Chapada Diamantina e fiquei satisfeito de encontrar um grupo tão organizado e coeso. Parabéns, recomendo a todos que tiverem oportunidade de ingressar no grupo e fazer parte dessa família unida.

    O Geotrilhas faz turismo responsável focado no minimo impacto, respeito aos saberes locais e responsabilidade sócio-ambiental

    Foi um prazer receber vocês e será sempre um prazer lhes ter aqui na Chapada Diamantina.

    ResponderExcluir