sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

II DESAFIO GEOTRILHAS/RN DE KART FOI MARCADO POR EMOÇÕES DO INÍCIO AO FIM

O trofeú foi bastante solicitado para fotos pelos visitantes do evento
A tarde do último dia 27 de novembro foi marcada com muita velocidade no Katodrómo Governador Geraldo Melo em Natal, que abriu suas portas para a realização do II Desafio GEOTRILHAS/RN de Kart. A prova contou com a participação de onze pilotos inscritos, entre associados do projeto e convidados que disputavam o cobiçado troféu Ayrton Senna da Silva.

Após a foto oficial da prova, e depois do briefing com os mecânicos, os onze pilotos assumiram os seus lugares, e partiram para a sessão de treinos livres para decidir o grid de largada.

A pole position ficou com a geotrilheiro Rafael Melo, com tempo de 01:10:010. Abrindo uma vantagem de 07 segundos em relação a Lázaro Freire, o segundo no grid.

Confira o grid completo:

Com os carros devidamente alinhados foi dada a largada, onde logo na primeira curva ocorreu um acidente após uma rodada de Rafael envolvendo os quatros primeiros colocados. Quem se aproveitou da situação foi o piloto Ângelo Roncalle, que pulou para a primeira posição. Mas não conseguiu manter por muito tempo, depois que rodou sozinho na curva do boxes ainda na primeira volta. Com isso Rafael Melo reassumiu a ponta, seguido por Lázaro Freire e Jhonny Roncalle.

Na terceira volta Rafael Melo bate de frente na proteção de pneus, após a chinqueine de acesso as arquibancadas. Daí então, tem início a uma prova particular pela disputa da primeira posição, promovida por Lázaro Freire e Jhonny Roncalle, que duelaram durante toda a prova, alternando de posição.

No pelotão intermediário, também havia uma grande disputa pelo quarto lugar,envolvendo mais um membro da família Roncalle, Alexandro, e os pilotos Hallyson Aquinio e Barão Musse, que davam um show fora a parte. Ainda durante a prova, o kart de Ângelo Roncalle teve um principio de incidência, que obrigou o piloto a para e trocar de kart.

Voltando para a disputa principal, o piloto Jhonny Roncalle tinha um maior rendimento de seu kart durante a reta de chegada, enquanto o piloto Lázaro Freire conseguia se aproximar na parte mista do circuito, tendo por algumas vezes ultrapassado o piloto do kart 07, mas que conseguia retomar a posição na reta de chegada. Faltando três voltas para o término da prova, finalmente Lázaro Freire consegue passar Jhonny Roncalle na reta oposta, mantendo-o uma posição de defesa de sua posição, até que na entrada da chinqueine das arquibancadas, Jhonny Roncalle enche a traseira do kart 11, jogando-o para fora da pista, acabando praticamente com as chances de vitória do piloto Lázaro Freire.

Com o acidente, Jhonny que assumia a primeira posição começou a perde rendimento, o que facilitou a aproximação de Rafael Melo, que vinha fazendo volta rápida após volta rápida. Inclusive marcando o melhor tempo da prova com 01m:08 seg:282mm. O que contribuiu para fazer ultrapassagem em cima de Jhonny.

Mas ainda a prova guardava um pouco de emoção, quando na reta oposta, mais uma vez Rafael Melo roda sozinho, deixando a vitória cair no colo de Jhonny Roncalle, Além de perde a segunda posição para Lázaro Freire, que vinha numa corrida de recuperação, chegando a três segundos do primeiro lugar.

O podium foi completado com a chegada de Rafael Melo, que ainda tinha uma boa vantagem em cima do quarto colocado Alexandro Roncalle

Confira a classificação final.
Com a vitória, Jhonny Roncalle passa a ser o segundo piloto a faturar o Desafio GEOTRILHAS/RN de Kart, que teve seu primeiro vencedor, o piloto Lázaro Freire.

Para o ano que vem, o Desafio GEOTRILHAS/RN de Kart passará a ser um campeonato amador, com a previsão inicial de quatro etapas durante o ano. Segundo a coordenação do GEOTRILHAS/RN, isso dará mais emoção a disputa, e fará com que novos pilotos trilheiros possam participar, tanto do campeonato, como também das atividades mensais de trilhas ecológicas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário