segunda-feira, 26 de setembro de 2011

COLETORES UTILIZADOS PARA SEPARAR O LIXO RECICLÁVEL NO ROCK’IN RIO SERÃO DOADOS ÀS COMUNIDADES PACIFICADAS NO RIO DE JANEIRO

A Prefeitura do Rio escalou quase dois mil garis para se revezarem, em três turnos, na Cidade do Rock e em seu entorno. A faxina geral no Rock in Rio começa na quinta-feira (22), um dia antes da abertura oficial do evento, e continua por mais um dia após o encerramento. A equipe encarregada da limpeza receberá braçadeiras especialmente criadas para o festival.

Segundo a Companhia Municipal de Limpeza Urbana (Comlurb), a organização vai instalar, na Cidade do Rock, 600 coletores para separação entre materiais recicláveis e não recicláveis. O público será orientado para fazer a seleção correta no descarte de resíduos (plástico, papel, vidro, metal). Quando o festival acabar, os coletores serão doados para as comunidades cariocas onde há Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs).

Em parceria com uma cooperativa de catadores, a Comlurb e o Rock in Rio têm a intenção de reciclar o maior número possível de materiais jogados fora e destinar os resíduos corretamente, além de evitar desperdícios. As ações fazem parte de um plano para que o evento receba a certificação internacional 100R, concedido a empresas e organizações que se preocupam com o meio ambiente e promovem ações sustentáveis. A meta é reciclar 100% do lixo produzido e ter emissão de carbono igual a zero.

Nenhum comentário:

Postar um comentário