segunda-feira, 25 de junho de 2012

GOVERNADORES DA REGIÃO NORTE ENTREGAM 'CARTA AMAZÔNIA' NA RIO+20


Imagem: VOZ DO NORTE
Governadores da região amazônica participam da Conferência das Nações Unidas para o Desenvolvimento Sustentável, Rio+20. Eles fizeram chegar à ONU um pacto com compromissos para um desenvolvimento sustentável na região, Carta Amazônia.

Em uma das salas oficiais da Conferência foi a vez da Amazônia mostrar o que pode ser feito pelo meio ambiente. Os representantes da região Norte do país defenderam que é preciso preservar, mas com a melhoria de vida das populações tradicionais.

A Carta foi entregue pelo governador do Amapá, Camilo Capiberibe, ao secretário executivo da ONU para assuntos brasileiros. Brice Lalonde declarou que alí estava a voz da Amazônia e que ela deveria ser disseminada pelo mundo. "Eu vou levar isso para todas as instituições das Nações Unidas porque as pessoas precisam conhecer esse documento. Vou entregar para o Ban Ki-moon, secretário-geral da ONU", disse.

Os nove governos da Amazônia brasileira e representantes dos povos tradicionais, indígenas, quilombolas, ribeirinhos se reuniram durante três meses para elaborar propostas, princípios e demandas. O pacto da Amazônia agora faz parte dos documentos oficiais da Rio+20.

Depois das perguntas e debates, o governo do Amazonas, representado pela Secretária de Desenvolvimento Sustentável (SDS), Nádia Muniz, assinou um convênio com a Ocean Future Society de Jean Michel Cousteau para ações de educação ambiental na Amazônia. "Pensar em desenvolvimento e economia sustentável é isso: cada um precisa fazer a sua parte", disse ela.

O famoso ambientalista lembrou que a Amazônia é um oceano de água doce e deve ser protegida por todos. "Sem água, não há vida", completou.

Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário